• +351 968 032 440

Parceria Empresarial, a regra de Ouro!

O nível de capitais próprios tende a ser reduzido na maior parte das empresas, resultado de um menor dinamismo do mercado de capitais

que torna o acesso a investidores externos mais difícil.
Em teoria a euronext deveria oferecer a gama diversificada de serviços que promove, incluindo cotações, ações, futuros e opções, obrigações, dados de mercado e soluções de tecnologia comercial.

Um dos exemplos de sucesso de abertura de capital em bolsa foi a Novabase, um projeto de dois empreendedores que se tornou numa das maiores empresas de Portugal e que oferece soluções de negócios para bancos, seguradoras, mercados de capitais, etc.

Porém, a crise financeira (a partir de 2008) gerou um pessimismo que reduziu as operações de colocação de capital em bolsa e, por consequência, a criação de obstáculos maiores para as empresas de menor dimensão. A tentativa da euronext de lançar em Portugal um modelo menos exigente no que respeita a custos e obrigações de prestações de contas (alternex) teve, até agora, pouco sucesso, pois o número de empresas cotadas é reduzido e as empresas de capital disperso (sem grupo de controlo, pois o maior acionista não ultrapassa os 20% do capital da empresa) são escassas.

Por outro lado, as PME e as Grandes empresas, que normalmente são organizações familiares em que uma pessoa da família exerce posição de controlo e participação na gestão, não têm facilidade em se financiarem através dos mercados de capitais.
Normalmente, estas estruturas optam por recorrer ao crédito bancário, a fundos dos proprietários (reforço do capital ou suprimentos) e a reinvestimento de excedentes gerados na exploração. O resultado líquido destas operações costumam ser insuficientes na fase da criação de uma nova empresa ou quando surgem oportunidades de elevado crescimento.

É um dos tristes fados das PME… As empresas são organizações complexas que reúnem um vasto conjunto de atores (proprietários, gestores, empregados, fornecedores, bancos financiadores, Estado e outras entidades): os stakeholders. A sua identificação é importante, visto todos terem que contribuir para o sucesso da empresa.

Os stakeholders devem valorizar continuamente os produtos e os serviços que oferecem, atribuindo um valor superior ao seu preço, motivar os trabalhadores (remunerando eficientemente) e gerar excedentes que assegurem a sua sobrevivência e a remuneração do capital investido. Em inglês Stake significa interesse, participação, risco. Holder, significa aquele que possui.

É uma palavra em inglês muito utilizada nas áreas da comunicação, administração e tecnologias de informação, cujo o objetivo é designar as pessoas e os grupos mais importantes de um plano estratégico ou de um plano de negócios (projeto). Ou seja: as partes interessadas! Por vezes, certos patrões e o sistema financeiro português (em processo de reestruturação) não entende esta regra de ouro; a da parceria empresarial

Luís Lopes

Consultor Financeiro

Email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Contacte-nos! Queremos Ultrapassar as suas expectativas!

  Mail is not sent.   Your email has been sent.
Top

ESPERE!

Inscreva-se e receba informações úteis do nosso Blog.

Mantenha-se atualizado!


Os seus dados não serão partilhados com terceiros e só serão utilizados para que receba artigos e novidades do BusinessPoint.PT durante 1 ano

Este website utiliza cookies.

Ao navegar neste website, você aceita a sua utilização. Saber mais.